Resenhas

Resenha: O misterioso caso de styles, de Agatha Christie @GloboLivros

18 de julho de 2016

......
Autora: Agatha Christie
Editora: Globo Livros
Páginas: 288
Compre: Buscapé
Adicione: Skoob

Leia também: O assassinato de Roger Ackroyd, de Agatha Christie

O misterioso caso de styles é o primeiro livro escrito por Agatha Christe e, além disso, o livro é o primeiro mistério de Hercule Poroit, o famoso detetive belga. Publicado em 1920 o livro é uma ótima pedida para os amantes de literatura policial e suspense. De uma forma muito genial embarcamos em uma trama misteriosa na isolada casa de campo de Styles com uma morte em que todos são suspeitos e o final é eletrizante. Eu sou apaixonada pela escrita da "rainha do crime" e não podia deixar de recomendar mais um dos seus romances.

A trama se passa na Inglaterra onde a viúva Emily Inglethorp, madrasta de John e Laurence Cavendish, herdou propriedade de campo de Styles após a morte de seu marido. Além da propriedade, ela detém o controle sobre todo o patrimônio da família. Quando encontra seu velho amigo, mr. Hastings, John Cavendish casualmente o convida para passar uma temporada na enorme e isolada casa de campo. O que mr. Hasting não imagina é que essa temporada irá lhe render grandes surpresas e um misterioso acontecimento.

Nem tudo eram flores na mansão. Havia brigas rotineiras, inveja, ganancia, intrigas e muitos mais coisas. O segundo marido de Emily, Alfred Inglethorp, vinte anos mais novo, cujo comportamento era duvidoso, causava apreensão entre os filhos de Emily e os moradores de Styles.  E tudo piora quando Emily é encontrada morta em seu quarto e morre balbuciando o nome do marido. Daí surge as perguntas: Quem a envenenou? O que está envolvido nessa morte?
E é a partir daqui que o detetive Hercule Poroit entra em cena e desvenda esse mistério com maestria.
Agatha Christie criou personagens fortes, enigmáticos e muito carismáticos. Como eu havia dito, esse livro é a primeira aparição do detetive Poroit e ele não poderia começar de forma melhor. No decorrer das investigações o detetive belga nos dá pista e nos induz a achar que qualquer um tem culpa do assassinato. O enredo é bastante complexo: muitas pessoas e cada uma delas com algum motivo para ter assassinado a vitima. A  história também conta com detalhes sobre os cômodos da casa e o desenho de onde ocorreu o assassinato.

É notório o talento nato de escrita da autora. Eu fiquei impressionada como eu me envolvi na leitura e só consegui largar quando tinha finalizado o livro. A história misteriosa te prende o início ao fim. O leitor fica louco para saber quem matou a vitima, mas só sabemos no final quando finamente todas as peças do quebra-cabeça se juntam e formam um lindo quadro de todo o processo da investigação. É meio dificil você tentar descobrir, mas mesmo assim eu fiz várias especulações sobre quem poderia ter matado aquela mulher. Contudo, a autora me surpreendeu com uma história onde todos podem ser considerados suspeitos e isso foi um ponto muito positivo da trama.

No mais, eu curti bastante a obra e quero ler mais livros escritos pela "rainha do crime". Se você gosta de um bom romance policial, com muito mistério e suspense, esse é um bom livro pra você!
Classificação: 5/5 ♥


Postado por Marina Santos

23 comentários:

  1. Olá Marina
    Eu ainda não li esse livro, mas como boa admiradora da escrita de Agatha Christie, com certeza está na minha lista de desejados. Sua resenha me deixou ainda mais motivada para conferir, especialmente porque é a primeira que leio a respeito e gostei bastante dos pontos que você destacou. Sou apaixonada por romances policiais, e sei que não vou me decepcionar nem um pouco com essa leitura <3

    Beijos, Fer
    www.segredosemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Mari,
    Tenho muita vontade de ler algo da Agatha, com tantas resenhas maravilhosas que encontro é impossível não ficar curiosa. E por falar em curiosidade, acho que morreria ao ler esse livro, iria ficar inquieta para descobrir quem matou Emily, acho que essa sensação em querer desvendar o crime antes do personagem, é o que deixa a leitura envolvente.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Tenho um box de livros da Agatha Christie e já li dois de três, amei fortemente a capa desse livro, as cores vivas é tão contagiante e a história parece ser boa. Gostei muito das tramas da Agatha e ela prende muito o leitor com sua história que nos encanta.
    Beijos e abraços.

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Eu sempre vejo muitas pessoas falando bem da Agatha Christie, mas nunca li nenhuma obra dela. Ás vezes tenho preguiça de ficar tentando desvendar enigmas e crimes em livros, mas essa obra chamou muita a minha atenção, ainda mais por tratar de uma história que tem personagens fortes.

    http://desencaixados.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Sou fascinada pelos livros da Agahta Christie e ver uma resenha dela por aqui me deixa muito feliz. Poirot é o meu personagem preferido de todos os tempos e esse caso é um dos mais marcantes. Li faz muito tempo e quase não me lembro da história, mas sua resenha acabou refrescando a minha memória.

    ResponderExcluir
  6. Nunca li nada da autora - morro de vergonha disso - mas este livro aqui me deixou bem curiosa por ser o primeiro dela e acho que se eu vier a ler este aqui, ficarei viciada na sua escrita. Adorei a planta do local, amo quando o autor, traz este tipo de coisa para o leitor.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá Marina,
    Até hoje li apenas um livro da autora e virei mega fã dela. A forma como ela escreve seus livros e constrói os personagens é incrível.
    Adorei conhecer a primeira obra em que o detetive aparece e fiquei bem ansiosa - e curiosa - para saber quem matou a moça. Espero ficar entretida com a obra e me viciar nela.
    Dica anotada e boas leituras de outras obras da autora.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Olá,
    Tenho vontade de ler esse livro por conta da sua áurea de mistério. Gostei dos seus comentários sobre a obra e isso aumentou mais a minha curiosidade. Imagino como a leitura deve ser envolvente e os personagens bem construídos. Adorei a ilustração.
    Beijos!
    http://www.virandoamor.com/

    ResponderExcluir
  9. Ola Marina lindona Agatha é única, para termos ideia de seu talento esse livro destacado por você é de 1920 e continua sendo maravilhoso em todos seus elementos, adoro a escrita da autora, faz algum tempo que não leio nada dela e sua resenha me convidou a ler. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  10. Olá, preciso tomar vergonha na cara e começar logo a ler os livros da Agatha, haha.
    Li apenas um mas não estava no momento certo para ele e não completei a leitura, mas tenho muita vontade de tentar novamente.
    E como esse é o primeiro livro da autora, talvez seja ele mesmo com que eu deva começar, bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá,

    Desde que um amigo da faculdade me apresentou as obras da autora, não consegui mais desgrudar. No entanto, quando eu comecei a ler o protagonista já tinha vários casos resolvidos e é exatamente por isso que gostei dessa resenha, pois não sabia qual livro era 'o inicio de tudo' e por isso fiquei bem empolgada. A história realmente parece ser cativante (tal como as outras) e a construção dos personagens e do mistério é digno de nota. Com certeza vou embarcar nessa leitura.

    Abraços
    oblogcaentrenos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá, até hoje todos os livros que li da Agatha Christie me fascinaram de uma tal forma que sua escrita para mim é sinônimo de perfeição. Porém eu nunca parei para pesquisar qual tinha sido o primeiro livro dela e achei interessante você mencionar isso na sua resenha. Claro que quero saber como é esse livro pois o enredo é muito atrativo e a autora é a rainha do crime mesmo!!!

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Não sabia que esse foi o primeiro livro em que Poirot apareceu, eu tenho três da autora com o detetive, e gosto muito da história.
    A primeira vez que li algo da Agatha me encantei, principalmente por eu não conseguir de maneira alguma detectar o assassino, e pelo visto nesse também nao da para suspeitar, por isso a autora é a rainha do genero

    ResponderExcluir
  14. Olá!! :)

    Eu nao conhecia este livro mas fico bastante curioso porque gostei da premissa e aprecio um bom policial com bastante misterio e suspense!! :) ahah

    A verdade e que quero ler um livro da "rainha do crime" ahah em breve!! :) Nunca li nada dela, acreditas?? hehe :) que bom que amaste assim este! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  15. Oi,
    Eu ainda não li nenhuma obra da Agatha, mas pretendo ler em breve. E a sua resenha me ajudou bastante, pois não sabia qual era o primeiro livro publicado e não sabia por onde começar.

    Os livros da autora sempre me fizeram despertar para um novo gênero literário. E com essa história de Emily ser encontrada morte, mas antes de falecer balbuciou o nome do marido. Tem como não querer ler ♡

    XoXo, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  16. Olá,

    Ainda nao conhecia essa autora, mas ja posso dizer que apaixonei nessa capa. Sua abordagem da obra me deixou bastante interessada em conhecer a história. Um bom filme de suspensa policial tem o seu lugar. Espero lê-lo o quanto antes.

    Abraços,

    ResponderExcluir
  17. Agatha Christie talvez seja minha autora preferida. Amo livros de mistérios e investigação, e a escrita dela é fantástica. Já li muitos livros dela mas esse ainda não. E só pelo que você fala jé quero ler agora. E como você, eu nunca descubro quem é o assassino nos livros da Agatha, ela é mestre nisso.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  18. Oii, tudo bom???
    Como não amar Agatha Christie, ela é simplesmente maravilhosa e é uma daquelas influencias que me fizeram amar a literatura em geral. Amei sua resenha, amei você ter amado esse livro também.
    Abraços

    ResponderExcluir
  19. Hey, tudo bom???
    Agatha Christie é uma das minhas preferidas, ela tem um jeito de fazer com que a gente nunca consiga descobrir que são os assassinos né? Gostei muito da sua resenha, que você tenha gostado do livro.
    Abraços

    ResponderExcluir
  20. Oi Marina, tudo bem?
    Me sinto um E.T por amar um bom policial e não ter lido nada da autora ainda, eu não sabia que esse foi o primeiro romance dela e acredito que seria uma boa começar por ele. Parece ser um livro fantástico e que trás um enredo muito bom, sua resenha me cativou muito e espero mesmo ler o livro uma hora dessas.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  21. Olá, Marina! Tudo bem por aí?

    Se eu te disser que nunca li algo da Agatha, você acredita? Eu sei, eu sei: em que mundo eu vivo? Hahaha. E como eu amo romances policiais, é mais vergonhoso ainda não ter lido uma de suas obras. Eu também faço mil e uma especulações sobre os autores dos crimes e quase sempre acerto, pois eu AMO formar teorias. Mas enfim, parabéns pela resenha: super clara, explicativa e capaz de convencer o leitor a ler a obra.

    Beijão!
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
  22. Oie!
    Eu lembro quando li os livros da Agatha, e gostei bastante. A narrativa é ótima, prende a atenção do começo ao fim. Mas eu li poucos livros dela, e quase nãome lembro tanto dos detalhes. Preciso ler mais, pois lembro que gostei bastante da narrativa dela.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  23. Oii, tudo bem?
    Menina, eu sou apaixonada por livros policiais, já li obras de vários autores famosos e outros nem tanto, mas eu nunca li nada da Agatha, mesmo ela sendo famosa pelos livros do gênero. Eu ainda não conhecia esse livro, mas parece que mais uma vez ela arrasou na escrita, e fico muito feliz quando não consigo descobrir quem é o verdadeiro culpado rsrrs. Espero ter a oportunidade de ler o livro em breve.

    ResponderExcluir

Obrigada por ter lido!