Resenhas

Resenha: Proteja-me, Maya Banks @gutenberg_ed

1 de março de 2016

......
Autora: Maya Banks
Editora: Gutenberg
Páginas: 270
Classificação: 3.5/5.0
Compre: Buscapé
Adicione: Skoob

Proteja-me é o primeiro livro da trilogia Slow Burn, escrito por Maya Banks, e cada livro conta história  da vida dos irmãos Devereaux. 
Em primeira instancia, me apaixonei por essa capa e confesso que a echarpe tem tudo a ver com a história. A trama é intensa, repleta de suspense e tensão, no entanto, achei a leitura tediosa.

O livro conta a história do magnata Caleb Devereaux e inicia-se com sua busca por Raime St. Clare, uma jovem sensitiva, que teria o poder de se conectar com pessoas localizando-as ao tocar em um objeto delas.
Acontece que a irmã do magnata foi sequestrada e ele não ver outra saída a não ser pedir ajuda da enigmática jovem Raime.


"Raime era única esperança da irmã dele, Tori.""Ele enfiou a mão dentro da jaqueta e puxou a echarpe de Tori. Foi o único item encontrado no local onde ela provavelmente foi sequestrada."

Contudo, assim que eles se encontram a atração é palpável. O que Caleb não imagina é que ao tocar o objeto da pessoa perdida, Raime sente TUDO o que a pessoa sentiu. Ela se conecta com a pessoa a ponto de sentir apenas a dor que a pessoa sente e isso acaba lhe custando sua própria saúde mental.
Após conseguir localizar sua irmã, Caleb promete a Raime que voltará para ajudá-la, visto que a família Devereaux está em divida com ela, mas a jovem desaparece da vista do rapaz.

Depois de sofrer com o sequestro da sua irmã, Caleb está decidido a usar sua fortuna para montar uma empresa de segurança e ajudar as pessoas que passaram pelo mesmo trauma que ele. Além disso, ele está fascinado por Raime e faz de tudo para encontrá-la, sem exito.
Quando ele pensa que nunca a verá novamente, Raime reaparece, só que dessa fez ela está em apuros. A jovem está sendo perseguida por um serial killer e apenas Caleb Devereaux pode ajudá-la!


"Antes de Raime sumir no mapa, ele tinha telefonado para ela. E era por conta dele que Raime fugia, porque ele sabia quem ela era, e também sabia que havia sido ela a responsável por ele ter pedido a presa."

O livro tem uma premissa muito boa, mas não me conquistou.
A trama é recheada de suspense intercalando os pensamentos de Raime, Caleb, Tori e do serial killer e isso foi um ponto positivo, visto que eu queria saber o que se passava pela cabeça desse homem que estava caçando Raime. Além disso, a trama é repleta de tensão que faz o leitor ficar aguardando que a qualquer momento algo pode acontecer. É importante salientar que o serial killer tem uma conexão com Raime, o que faz com que ele fique a atormentando, sempre mandando mensagens telepaticamente e sempre um passo a sua frente. O cara é maluco, alucinado e fica brincando de gato e rato com a mente de Raime, sempre a provocando, torturando e e jurando sua vida a qualquer custo. A autora mostrou bem o quanto ele é louco e que Raime está por um fio de perder a lucidez.

Não obstante, achei a ligação entre Caleb e Raime muito rasa. Além disso, Raime fica a maior parte do livro tendo pena de si do que ajudando a melhorar a situação. Parece que ela já aceitou que de qualquer modo vai morrer e só fica sentada aguardando sua morte. Já Caleb não me conquistou e também não achei o romance verdadeiro.

Apesar disso, gostei do final do livro. Gostei de como Caleb foi rápido e agiu sem nem ao menos pensar nas consequências. No geral, o livro é "ok". A leitura foi rápida e fluida, com bastante suspense e ação. Esse livro é uma boa pedida para quem curte Maya Banks, além de uma trama misteriosa e sobrenatural.

SOBRE A SÉRIE

A trilogia Slow Burn conta a história da vida dos irmãos Devereaux. Proteja-me conta história de Caleb, Salve-me conta história de Beau e Descubra-me conta história de Zack, que é um dos empregados da DSS. 

Postado por Marina Santos

28 comentários:

  1. Oi, Marina! Tudo bem?

    Muito interessante sua resenha, mesmo sendo um livro que você tenha achado uma leitura tediosa.
    Eu acho que não irei ler porque está parecendo um pouco com Silvia Day e uma pitada de 50 Tons, mas digo que talvez, porque... se eu ganhar... hehehe! :D

    Beijos!
    Danny
    Irmãos Livreiros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Danny.
      Hahaa, pois é. O livro tem sim auto teor sexual, mas é bem legal, tirando essas partes da protagonista não fazer nada.
      Obrigada pelo comentário, volte sempre!
      Beijos!

      Excluir
  2. Tive a oportunidade de ler esse livro e achei os personagens muito fracos para sustentar uma história. Achei a leitura tediosa e repetitiva. Achei a sinopse instigante, mas quando li fui decepcionante. Um grande beijo!
    http://www.starbooks.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso o mesmo q VC, esperava mais da história.
      Obrigada pelo comentário e volte sempre.
      Beijos!

      Excluir
  3. Ainda não li esse livro, apesar de já conhecer a escrita da autora e gostar bastante. A sinopse parece ser bem interessante e espero poder ler em breve. Gostei da sua resenha, parabéns!!! Beijos, Fê

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero q VC goste da leitura.
      Obrigada pelo comentário e volte sempre.
      Beijos!

      Excluir
  4. Oiee ^^
    Ainda não li nenhum livro da autora, e confesso que não tenho curiosidade de conhecê-los, pois não são bem o tipo de livro que eu costumo ler, sabe? Não gosto muito de histórias com sensitivos e coisas do tipo, e ver que você não gostou totalmente do livro me deixou ainda mais desanimada *-*
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, sim. Entendo!
      Obrigada pelo comentário e volte sempre.
      Beijos!

      Excluir
  5. Aiiiii que top isso da garota ser sensitiva hahahhaha muito top. Não conhecia a trilogia, nem tinha visto a capa antes. Só lembro da capa do Salva-me. Mas eu jurava que era um livro tipo 50 tons de cinza kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk por isso nunca nem liguei para conferir a sinopse.
    Mas caraaaaa a premissa é muito legal, e que bom que a leitura foi fluida que o livro tem ação e tal. Adorei, que bom que gostou do final.

    http://www.colecoes-literarias.blogspot.com.br/2016/03/resenha-pluvia-entre-segredos-e.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, não é nada parecido c/ 50 tons, mas tem um auto teor sexual rsss A premissa é muito boa mesmo, mas eu esperava mais da história. Espero q VC leia e curta a leitura.
      Obrigada pelo comentário e volte sempre.
      Beijos!

      Excluir
  6. É bom saber que a leitura é fluida e prende o leitor, acaba sendo um livro rápido que faz a gente relaxar um pouco. Pena que o livro não te conquistou muito e saber que a Raime fica grande parte sentindo pena de si mesmo é chato, costumo preferir personagens que lutam, se descabelam e fazem tudo, pode fazerem tudo errado, mas estão tendo ação.

    Beijos,
    Mariana Baptista
    https://umavidaporlivro.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, o livro tem uma leitura fluida, mas peca no sentido da protagonista ficar com muita pena de si e não fazer nada.

      Obrigada pelo comentário e volte sempre.
      Beijos!

      Excluir
  7. Oi
    Confesso que pela premissa imaginei que a história seria incrível, mas as suas impressões me desanimaram bastante. Que pena que a ligação entre as personagens é rasa e o clímax parece nunca acontecer.
    Acho que vou passar longe viu?
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rízia.
      Eu também achei que o livro seria bem diferente do que imaginava, mas a leitura me decepcionou.

      Obrigada pelo comentário e volte sempre.
      Beijos!

      Excluir
  8. Oi, Marina
    Tenho curiosidade de ler este livro, porém mais para o futuro. Gosto quando tem serial killer em uma história, e acho que gostaria de ver essa perseguição.
    Uma pena que não te agradou tanto.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá
    Já tinha ouvido falar deste livro, até tenho ele marcado no skoob para ler. Mas acho a capa dos livros muito feia. Ele parecer te ruma pegada mais hot também, o que me desagrada bastante, porque a cada duas paginas tem uma cena de sexo. Mas apesar dessas coisas a premissa me chamou bastante atenção, ainda mais depois que vc disse que o livro tem essa tensão que sempre esperamos acontecer algo.
    Acho que vou arriscar.

    Bjos

    Everton
    Equipe Rillis

    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá Marina,
    Que pena que a leitura tenha sido tediosa para você.
    Conforme fui lendo sua resenha me animei, depois desanimei. Não tenho o costume de ler esse tipo de livro, mas me interessei por esse, mesmo com a leitura tediosa e o romance raso. Gostei de saber que a protagonista toca nas coisas e localiza pessoas e que isso a prejudica. Achei uma base legal.
    Acho que é uma leitura que eu faria para ver onde iria me levar.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Sério que mesmo com sequestro, serial killers, poderes sobrenaturais e muito suspense você achou a leitura tediosa?! Fiquei intrigada com isso.
    E mesmo com suas observações dos pontos negativos eu curti e muito a premissa do livro e já vou adicionar a minha lista de desejados.
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li nada da autora e como este livro aqui, também não me senti empolgada em conferir a trama. Quando você falou que a ligação do casal é um pouco rasa, já senti que eu não me conectaria com a história. Mas vou passar a dica para as amigas que curtem este tipo de enredo!!!
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Nunca li nada da Maya, mas não por falta de vontade, e sim, de oportunidade. Vejo muitos comentários para as obras dela, só que até agora nenhum tinha me atraído. Gostei muito da premissa de Proteja-me, e essa coisa com o serial killer me intrigou. Além de que, esse dom da Raime não é muito comum, e como nunca li nada antes parecido, fiquei curiosa. Espero não me decepcionar com a estória!

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Marina, é uma pena que o livro não te conquistou, mas muito bom que o final você gostou. Eu nunca li nada da autora e não sei se esse seria o melhor livro para mim começar, apesar dele parecer interessante pela trama, talvez um dia eu de uma chance a ele.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  15. Olá!

    A trama do livro realmente parece ser muito boa com toda essa coisa de sequestro, suspense e sobrenatural envolvido. Mas inicialmente você disse que o livro era tedioso e que ele não te conquistou, então não sei o que pensar sobre. Fiquei curiosa para saber como terminar, se o seriam Killer é preso... Se Raime vive.. Mas não sei se leria. Sua resenha está ótima viu?

    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    ResponderExcluir
  16. Oi *--*

    A premissa do livro parecer muito boa mesmo, adoro esses livros de ação misturado com sobrenatural, são sempre empolgantes, mas fiquei com o pé atras depois da sua resenha, nem tudo que parece é =/ Não gostei dessa capa também, parece que não tem muito haver com a estória. Mas apesar disso, você acredita que fiquei curiosa para saber o final, o cara é preso?

    Bjos

    rillismo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Olá!!!
    Acredite ainda não tive a oportunidade de ler um livro da autora. Esta coleção não me despertou interesse, mas as capas são bonitas e de bom gosto. Sua resenha mostra que apreciou a leitura e se envolveu com a história.

    Beijos
    Carla Fernanda
    http://livrosqueliblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Gostei bastante da premissa... Contudo, a sua resenha fez-me ficar hesitante! :) Também gostei da capa! :)

    Boas leituras!! ;)
    http://no-conforto-dos-livros.webnode.com/

    ResponderExcluir
  19. Oie!
    Eu ainda não li esse livro, mas já comprei para ler em um outro momento. COnfesso que esperava mais da história, não imaginava que o envolvimento do casal seria raso. Eu já li alguns livros da autora, e nem todos eu cheguei a gostar da história, alguns eu achei bem repetitivos.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  20. Bem, eu gosto muito de narrativas com essa pegada de mistério, suspense e sobrenatural e, apesar de você ter achado que a leitura foi entediante e que o romance dos pombinhos foi rasa, acho que eu seria capas de arriscar a leitura. Gostei da premissa e fiquei curiosa para saber o que passa na mente do serial killer que persegue a jovem vidente. Espero que tudo termine bem para ela.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Eu gosto muito dos livros da Maya.
    Estou com esse livro para ler e tenho grandes expectativas sobre ele. Pena que a história não te conquistou. Espero que comigo seja diferente e que a história me envolva.
    Adorei a sua opinião sobre o livro e sua resenha está muito boa.
    Beijinhos!
    http://www.eraumavezolivro.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por ter lido!