Resenhas

[RESENHA] O Retorno de Izabel, de J.A. Redmerski @Suma_BR

22 de setembro de 2015

......
Autora: J. A. Redmerski
Editora: Suma de Letras
Páginas: 232
Classificação: 5.0/5.0 
Compre: Buscapé
Adicione: Skoob

O Retorno de Izabel, é o segundo livro da série Na Companhia de Assassinos. Confira resenha do primeiro livro (aqui)
(CONTÉM SPOILER DO LIVRO ANTERIOR, SE VOCÊ AINDA NÃO LEU, PARE POR AQUI)


O livro continua contanto a história de Sarai e sua busca para viver uma vida normal depois de tudo o que passou. Já se passou 8 meses desde que ela fugiu do México, das mãos de Javier e agora ela tem uma vida "normal" vivendo com Dina Gregory, uma mulher que conheceu quando era pequena e é a mais próxima de uma mãe para ela. Sarai está fazendo faculdade, tem uma amiga chamada Dahlia e um namorado, Eric. Porém, uma única coisa que não mudou na vida de Sarai é a mentira. Ela mente parada todos, ela criou um passado que, na verdade, não existiu. Ela ilude as pessoas que a qual ela convive e, a unica coisa que ela quer é vingança e acima de tudo, Victor.
"Nunca vou poder contar que, depois de tudo pelo que passei, depois de tudo o que vi, o que mais quero é fazer as malas e voltar para aquela vida perigosa. A vida com Victor."

Contudo, Sarai ainda não tirou da cabeça a ultimo assassinato de Victor, a esposa do sádico e empresário corrupto Arthur Hamburgo, e deseja com todas as forças o sangue dele e, todos que a fizeram sofrer. Assim, ela, Dahlia e Eric vão em direção à LA tirar "férias" mas Sarai está indo para lá com outras intenções.

É notório que Sarai faz tudo isso para chamar atenção de Victor, visto que a um bom tempo ela não o ver. Daí, ela põe sua mascara de Izabel Seyfried e vai à caça. Assim quando chega ao restaurante de Hamburgo, ela não consegue imediatamente chamar atenção dele, mas depois ele manda seu capanga Willem Stephens a escolta ao escritório dele e a partir daqui, nem tudo que Sarai planejou sai como o esperado...


Esse livro é sensacional! Mescla romance, suspense, mistério e thriller psicológico que deixa o leitor fissurado a cada página lida.
A trama tem como base a transformação de Sarai em Izabel Seyfried, uma assassina que mata pessoas a sangue frio. Porém ela ainda tem muito que aprender, e advinha quem vai ensina-lá? Sim, Victor Faust.  
"Sarai é uma garota rebelde. Ela é difícil e imprudente e sem medo de se culpar. Mas ela é determinada e forte, apesar do seu problema com disciplina..."

"Eu pude ver isso em seus olhos, o desejo de vingança, a fome de derramamento de sangue. A morte de Javier Ruiz por suas mãos é o que selou o destino de Sarai..."
E como no primeiro livro, aqui também temos a narração de Victor e uma nova pessoa, Fedrik Gustavsson. Vamos saber um pouco mais da história de Fredrik, que aliás, eu achei incrível. As especializações dele são interrogatório e tortura. É notório que ele é um pouco quebrado psicologicamente, porém ele nunca deixa isso transparecer. E ele, com certeza, vai usar suas áreas de especializações nesse livro. 
O final foi imprevisível e incrível. 

No geral, eu amei o livro. A escrita da autora é leve e fluida, a trama rodeada de ação e, ah, estou apaixonada *_* . É um dos meus favoritos do ano! A autora me surpreendeu de várias maneiras e estou louca para continuar Na companhia de Assassinos no próximo livro. 

SOBRE A SÉRIE.
A série Na Companhia de Assassinos é composta de cinco livros: A Morte de Sarai (Killing Sarai), O Retorno de Izabel (Reviving Izabel) The Swan & The Jackal, Seeds of Iniquity e The Black Wolf (será lançado no USA/2015).

Postado por Marina Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por ter lido!